Sobre o conteúdo desse blog:

Se alguma foto nesse blog for de sua propriedade entre em contato que mencionaremos a autoria. O que fazemos é editar as fotos e colocar mensagens, e caso se sinta lesado, informe-nos que ou daremos os devidos créditos ou removeremos sem problema algum. Porém lembramos que as fotos são retiradas do Google.

28 de dezembro de 2016

A gente muda


E a gente muda. Se transforma. Deixa algumas manias de lado, inventa outras. Se encoraja e se desanima em iguais proporções. É difícil escolher o melhor caminho, acertar as coordenadas e não fraquejar quando tudo embola. A gente muda. Faz planos. Desfaz planos. Traça metas, desenha atalhos pra ser feliz dois quarteirões depois e ao dobrar a próxima rua percebe as graças que possui. É engraçado. Queremos o mundo e nem sempre nos damos conta do universo que construímos pra nós entre uma etapa e outra. 

A gente muda. Os hábitos se desfazem, o medo não incomoda, o sorriso já não borra de tristeza, a vida se ajeita ainda que faltem peças pra encaixar. O tempo ajuda, favorece olhar atento e acolhe as preocupações que realmente dependem da gente. Não dá pra parar. É preciso motivar um abraço, enfeitar uma possibilidade e descobrir no acaso um escape de alegria que acalma aflições e sossega o coração. 

A gente muda. Não desespera mais como antes, já não esconde o que sente ou o que pensa. Se rasga e se refaz. Se permite e não sabota. Se resguarda dos dedos impiedosos que apontam falhas e enaltecem defeitos e se brinda com o colo que faz das diferenças a soma exata de novas possibilidades.

E a gente muda. Se aceita. Se põe de castigo. Grita alto e cala de repente. É alto e baixo. Instante e infinito. É você em constante evolução.

Marcely Pieroni Gastaldi

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...