Sobre o conteúdo desse blog:

Se alguma foto nesse blog for de sua propriedade entre em contato que mencionaremos a autoria. O que fazemos é editar as fotos e colocar mensagens, e caso se sinta lesado, informe-nos que ou daremos os devidos créditos ou removeremos sem problema algum. Porém lembramos que as fotos são retiradas do Google.

22 de julho de 2015

Viva a sua vida!



Viva a sua vida!!!
Melhor ainda, participe da sua vida!!! Seja o ator principal ... Faça as escolhas, não fique apenas esperando acontecer ...
Sinta cada emoção ... permita-se fluir com a vida e se emocionar ... viver a felicidade extrema e até a mais intensa tristeza, porque é do extremo de emoções que a vida é sentida ... e que aprendemos a valorizar cada bom momento vivido!!!
Viva a vida, e deixe-se emocionar por ela todos os dias!!!

Damaris Ester Dalmas‬

A vida ensina que o bem estar está no EQUILÍBRIO



Todo excesso faz mal, toda falta também. Ambas mostram o que não queremos ver. Se comer muito engorda. Se gasta demais falta dinheiro. Fazer por obrigação cansa. Com entusiasmo fica mais fácil. O negativismo pesa, a alegria alivia. A tristeza deprime, o prazer fortalece. A paciência acalma, a irritação desequilibra. A persistência consegue, a teimosia dificulta. O bem eleva, o mal derruba. Tudo é assim. A vida ensina que o bem estar está no equilíbrio.

Zibia Gassparetto

Se algo mudar em mim, será para melhor


"Porque o que sou de verdade nunca deixarei de ser.
E se algo mudar em mim, será para melhor."

Laura Mello

13 de julho de 2015

Simplicidade


"Embora o luxo seja atraente e tentador, ele nos deixa pouco à vontade. É na simplicidade que rimos alto e sem medo, sentamos nas calçadas, baixamos nossa guarda e somos sinceramente felizes. "
 
Josie Conti

A renovação da Águia


A Águia é a ave que possui a maior longevidade da espécie. Vive cerca de 70 anos.

Porém, para chegar a essa idade, aos 40 anos, ela precisa tomar uma séria e difícil decisão.

Aos 40 anos de idade, suas unhas estão compridas e flexíveis e já não conseguem mais agarrar as presas das quais se alimenta.

O bico, alongado e pontiagudo se curva, suas asas tornam-se pesadas em função da grossura de suas penas, estão envelhecidas pelo tempo.

Já se passaram 40 anos do dia em que a jovem águia lançou voo pela primeira vez.

Hoje, para a experiente águia, voar já é bem difícil!
Nessa situação a águia só tem duas alternativas:
Deixar-se morrer…ou enfrentar um doloroso processo de renovação que irá durar 150 dias.
Esse processo consiste em voar para o alto de uma montanha e lá se recolher em um ninho que esteja próximo a um paredão.

Um local Seguro de outros predadores e de onde, para retornar, ela necessite dar um voo firme e pleno.

Ao encontrar esse lugar, a águia começa a bater o seu bico contra a parede até conseguir arrancá-lo, enfrentando, corajosamente, a dor que essa atitude acarreta. Pacientemente, espera o nascer de um novo bico, com o qual irá arrancar as suas velhas unhas.

Com as novas unhas ela passa a arrancar as velhas penas.

Após cinco meses, “Esta Renascida”, sai para o famoso voo de renovação, certa da vitória e de estar preparada para viver, então, por mais 30 anos.

Muitas vezes, em nossas vidas, temos que parar e refletir por algum tempo, e dar início a um processo de renovação.

Devemos nos desprender dos preconceitos, dos maus costumes, de tudo aquilo que não é mais útil ou importante, para continuarmos a voar. Um voo de vitória.

Somente Quando livres das barreiras e pesos do passado, poderemos aproveitar o resultado valioso que uma renovação sempre traz.

Destrua o bico do ressentimento, arranque as unhas do medo, retire as velhas penas de suas asas, permitindo o fluir de novos pensamentos.
Alce um lindo voo para uma nova vida de sonhos e realizações.

Tenha sempre uma meta: “Voe alto e seja Feliz”

“Autor desconhecido”

7 de julho de 2015

Escolhas e Destinos


A melhor vida para mim é bem diferente da melhor vida para você. Reúna o planeta inteiro e não se encontrará duas pessoas que planejem possuir a mesma vida, porque uns não querem ter horário para nada, outros se envaidecem de ter suas atitudes comentadas por estranhos, há os que se paralisam à primeira frustração, os que estão sempre inventando novos desafios, e a vida possível de cada um torna-se impossível para os demais, o que não deixa de ser uma piada termos que conviver intimamente uns com os outros apesar desse tabuleiro inesgotável de escolhas e destinos.

(Martha Medeiros)

Sobre ganhos e perdas


Não tenho piedade dos bons perdedores – mas aqueles que ganham sempre, coitados, não têm a chance de enxergarem-se tais quais são: humanos, errantes, passíveis de terríveis perdas e, sobretudo, capazes de reconstruir qualquer coisa que seja. E de deixar partir o que não lhes pertence.
Vencer é maravilhoso, especialmente para quem merece. Mas só na tristeza das perdas encontramos a delícia de renascer. Ame as suas vitórias, mas, sobretudo, as suas sábias perdas – elas sim nos apuram o paladar para o gosto bom de ganhar.

__________ Escrito por Nathalí Macedo

Seja o ombro amigo de alguém que precisa ainda mais do que você.


Créditos : Bruna Lombardi

2 de julho de 2015

Metamorfoses


Nessa estrada que chamamos de vida quantos retrocessos teremos? Quantas vezes vamos repetir as mesmas coisas, e por quê não? Quem não muda de opinião em algumas coisas, não evolui, essa que é a verdade. Nada precisa ser uma lei que se cumpre à risca as regras que a própria mente lhe impõe. A única coisa que deveria ser lei é o caráter. Infelizmente, esse não está à venda. 

Somos lagartas no início de tudo. Seremos muitas vezes. Metamorfoses são necessárias. Precisamos ser maleáveis e nos adaptar ao mundo, e ao mesmo tempo defender com afinco as nossas convicções. Mas acima de tudo, não tornar tudo uma regra permanente, onde as coisas todas tem rótulos. Que precisam ser de uma tal forma. É preciso deixar a vida correr. É preciso correr atrás dos seus objetivos. É preciso também muitas vezes não fazer nada. Respeitar o nosso tempo, respeitar o tempo das pessoas e as pessoas. E se a vida muitas vezes não é justa, em outras são colheitas. Toda ação tem uma reação. A verdade é que as vezes a reação provoca uma ação também. 

Em alguns momentos da nossa vida, esses retrocessos não podem ser erros. Erros são bons porque de certa forma algo ruim que acontece nos aponta uma série de coisas boas. As pessoas costumam achar que os dias difíceis é o fim de tudo. É apenas o começo! Muitos querem chegar às nuvens, mas não ter o trabalho de voar.

E o que significa voar? Voar é superar-se! Viver é encher de fato os pulmões de ar, e ir à luta! Mesmo com os tropeços, erros, quedas, nada que fazemos é insignificante. Talvez, se nos lembrássemos disso todas as vezes em que achamos que as coisas não vão passar, não ficaríamos tão presos aos pensamentos tristes. Mas que bom, que os dias não são iguais. Que bom que depois de uma tempestade ruim o céu ficou azul de novo. As janelas estão abertas, as roupas no varal, o sol volta a brilhar, e até os dias frios e sem nuvens são importantes. Porque com esses dias poderemos ficar perto de quem nos ama, e amamos bem juntinho, nos aquecendo do frio, e entendendo que apesar de tudo, viver é muito bom! 

(Adriana Silva)

Viver... Sobreviver....


Algumas coisas, pessoas, lugares, situações não cabem mais no meu novo modo de viver. De repente, viramos sobreviventes e priorizamos com afinco a dádiva de respirar. As outras coisas, acabam virando meros detalhes. Não cabem mais sofrimentos desnecessários, porque para viver temos que abandonar a âncora que nos faz afundar e perder o rumo da vida. Temos que viver com leveza, apesar das durezas que aparecem, sorrir como os verdadeiros guerreiros sabem fazer, mesmo que dilacerados, mesmo que tenha se perdido algumas coisas, mas com certeza a maior delas ainda existe que é sobreviver!

(Adriana Silva)
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...