15 de agosto de 2014

Cinco lições para a vida


O menino olhava a avó escrevendo uma carta. A certa altura, o garoto perguntou:
- Você está escrevendo uma história que aconteceu conosco, vovó? Por acaso, é uma história sobre mim?
A avó parou a carta, sorriu, e respondeu ao neto:
- Estou escrevendo sobre você, é verdade. Já que é bastante atento e curioso, prestou atenção que estou escrevendo a lápis?
- Sim, por que não usa uma caneta? – perguntou o garoto.
E a avó respondeu:
- Gosto de escrever a lápis, pois o lápis tem algumas qualidades importantes, que podem nos servir de grandes lições. Há cinco qualidades nele. Cinco lições para a vida. Se você aprender com elas, será sempre uma pessoa em paz com o mundo.

PRIMEIRA LIÇÃO: o que realmente importa no lápis não é a madeira ou sua forma exterior, mas o grafite que está dentro. Portanto, sempre cuide daquilo que acontece dentro de você.

SEGUNDA LIÇÃO: de vez em quando, eu preciso parar o que estou escrevendo, e usar o apontador. Isso faz com que o lápis sofra um pouco, mas após isso, ele está mais afiado. Portanto, saiba suportar as dificuldades, porque elas o farão ser uma pessoa melhor.

TERCEIRA LIÇÃO: o lápis sempre permite que usemos uma borracha para apagar aquilo que estava errado. Entenda que corrigir nossos erros é fundamental para nos manter no caminho da justiça.

QUARTA LIÇÃO: de vez em quando, uma ponta se quebra. O lápis sofre. Precisamos apontá-lo para fazer uma nova ponta. Isso nos ensina que, na vida, algumas perdas são necessárias. Temos que exercer nossa compreensão e aceitação sobre os fatos que não podemos mudar.

QUINTA LIÇÃO: ele sempre deixa uma marca. Da mesma maneira, saiba que tudo que você fizer na vida irá deixar traços. Procure ser consciente de cada ação. Você precisa se orgulhar de cada página que escreveu na história da vida.

(Desconheço a autoria)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...