16 de maio de 2012

As mágoas que permitimos.


" As mágoas que permitimos são as mais doloridas. Eu diria que mágoa é aquilo que você não resolveu em algum momento e foi acumulando se tranformando em dor. A mágoa na minha opinião é a frustração conosco. Porque naquele momento não conseguimos resolver aquilo e concordamos."

Exterminar mágoas é se perdoar. É aceitar que houve um erro com você mesmo. Que não fomos tão cúmplices conosco quanto deveríamos.  " Uma pessoa chegou em mim e disse algo que me magoou... estou magoada, ressentida, estou triste."
- A mágoa é com você mesmo, por isso que dói tanto. Quando vamos contra nós mesmos nos ferimos mortalmente. Seria fácil seguir uma conduta que não fizesse uma vez ou outra a gente se magoar não é mesmo?

Eu aprendi que a gente se magoa por deixar essas coisas mal resolvidas com a gente mesmo. Ao mesmo tempo, existem aquelas situações em que pessoas colocam o dedo na sua ferida de uma maneira totalmente proposital e cruel. Poderíamos responder com um tapa, com um grito, e muitas vezes até fazemos isso, dessa maneira ou com palavras. Mas a mágoa maior vai crescer quando você não se posicionar em relação a si mesmo.

O mundo ensina duas versões contraditórias: - Dar a cara a tapa; não pagar na mesma moeda; e toma lá dá cá.

Seria simples se adotássemos uma dessas filosofias e pronto: - Tudo resolvido!

Só que não é assim. Temos sentimentos. Pensamentos. Que nos controlam o tempo todo.

Por isso eu tenho o pensamento que quando algo me magoa eu devo falar. Se não for possível eu deixo a entender. Mas se o outro não entender, e se valer a pena ir mostrando, eu mostro. Senão, eu sigo o meu caminho e viro as costas. Porque o meu valor sou eu que faço. E quem perder a minha companhia vai perder muito. Eu diria o meu melhor. E por entender e saber disso, eu faço questão ao máximo de não deixar me machucar. Às vezes é inevitável... Às vezes temos que engolir " sapos" ou o brejo inteiro, afinal algumas relações sociais não nos permite ser sinceros o tempo todo, e seguir à risca aquilo que queremos. Mas ser autêntico consigo, é a melhor saída. Perceber as falhas e resolver.

"Perdoar a si mesmo é o primeiro passo de ir apagando as mágoas do nosso coração... e entender de uma vez por todas que errei, perdoei, segui. Comigo mesmo!"

Adriana Silva - Reflexões 15/05/2012

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...